Conselhos Úteis

O que se deve fazer:

 

  • Para transportar as crianças no automóvel é necessário utilizar sempre uma cadeira auto adequada, mesmo em percursos breves.
  • No caso de viagens longas, é necessário parar frequentemente, pois a criança cansa-se facilmente. Antes de parar, é sempre necessário encontrar um local seguro e desligar o motor do automóvel, antes de retirar a criança da cadeira auto.
  • Quando utilizar uma alcofa durante o transporte no automóvel, o encosto interno, se for regulável, deve estar sempre na posição horizontal.
  • Siga escrupulosamente as instruções para a utilização fornecidas com o produto. Só uma utilização correcta (fixação da cadeira auto no automóvel e instalação da criança na cadeira auto) pode reduzir o risco de lesões graves, em caso de acidente.
  • Verifique sempre se cadeira auto está fixada correctamente com o cinto de segurança do automóvel e se este está devidamente esticado.
  • Segundo as estatísticas dos acidentes, a posição mais segura para instalar a cadeira auto é, se possível, no lugar central do banco traseiro – a maior parte das cadeiras auto obriga necessariamente para a sua instalação de um cinto de segurança do automóvel com 3 pontos de fixação, com o qual nem sempre o referido lugar está equipado - em alternativa é aconselhável optar pelo lugar traseiro do lado direito (do lado do passeio).
  • No caso do automóvel ter ficado parado ao sol, antes de instalar a criança, certifique-se de que os componentes da cadeira auto não estão excessivamente quentes.
  • Certifique-se regularmente de que a criança não abre o fecho do cinto de segurança e de que não manipula qualquer componente da cadeira auto.
  • Substitua sempre a cadeira auto depois de um acidente, mesmo que ligeiro. Poderá ter sofrido danos estruturais que comprometem as suas características de segurança.
  • Os cintos de segurança da cadeira auto devem estar sempre esticados de modo correcto, sem, no entanto, comprimirem o tórax da criança. Para os esticar correctamente deve ter em consideração que entre as costas da criança e o encosto da cadeira auto deve haver espaço suficiente para introduzir a mão de um adulto.
  •  

O que nunca se deve fazer:

 

  • Nunca transporte a criança no automóvel ao colo de um adulto. Deve utilizar sempre um adequado sistema de retenção.
  • Não efectue modificações ou acréscimos no produto e não utilize acessórios e/ou peças de substituição não fornecidos pelo fabricante.
  • Durante a viagem, não dê à criança alimentos tais como chupa-chupas, gelados ou outros alimentos com pauzinho, pois em caso de acidente ou de travagem brusca, poderão feri-la.
  • Nunca deixe as crianças sem vigilância dentro do automóvel.
  • Não devem ser transportados na prateleira posterior objectos não fixados correctamente. Em caso de acidente ou travagem brusca podem ferir os passageiros.


O pediatra aconselha

A primeira indicação fundamental é UTILIZAR SEMPRE A CADEIRA AUTO, de modo correcto e mesmo para percursos breves; a cadeira auto deve ser utilizada logo durante a primeira viagem do recém-nascido da maternidade onde nasceu até casa.
Efectivamente, a norma em vigor prevê a utilização obrigatória da cadeira auto para o transporte no automóvel de crianças até aos 150 cm de altura ou 12 anos de idade. É importante que compreendam a importância da utilização da cadeira auto como forma de prevenção e de protecção da saúde dos vossos filhos e como um verdadeiro gesto de amor. Viajar no automóvel com a criança ao colo pode parecer um gesto natural, mas em caso de acidente ou de travagem brusca, mesmo a uma velocidade modesta, o peso da criança adquire uma força “de puxão” tão elevada que os seus braços não serão suficientes para o segurarem. Ler mais

Segundo a norma em vigor existem várias tipologias de cadeiras auto segundo o peso da criança que pretende transportar. Para os recém-nascidos, que durante o primeiro mês de vida não controlam adequadamente o movimento da cabeça devido ao reduzido tónus muscular (especialmente os bebés prematuros ou os que nasceram com pouco peso), é útil – conforme aconselha a literatura científica – que o Pediatra faça uma avaliação, quando o bebé tiver alta da maternidade, da tipologia de transporte mais adequada às exigências do recém-nascido: a alcofa que transporta o bebé deitado ou a clássica cadeira auto, com a eventual utilização de uma almofada redutora que permite uma melhor posição da coluna.


Os recém-nascidos com um peso superior aos 6 kg não necessitam de utilizar a almofada redutora.


Em todo o caso, é sempre oportuno não efectuar viagens demasiado longas e parar, pelo menos, de duas em duas horas. As cadeiras auto para o Grupo 0+, ou seja, para crianças dos 0 aos 13 kg de peso, devem ser utilizadas no sentido inverso à marcha, para reduzir os efeitos negativos sofridos pelo pescoço do bebé, no caso de um eventual impacto. Esta posição é a mais segura e é aconselhável utilizá-la o mais tempo possível. Quando a criança atingir os 13 kg de peso aproximadamente, devido ao seu crescimento rápido e incomodada pelos pés que começam a tocar no encosto do banco, começará insistentemente a tentar virar-se na direcção da paisagem, estimulada também pela sua cada vez maior curiosidade de observação e de descoberta.


Este é o momento indicado para passar à cadeira auto para o Grupo 1.


Este tipo de cadeira auto deve ser posicionada de preferência no banco traseiro do lado do passeio ou no lugar central: estatisticamente o lado da faixa rodoviária é o mais perigoso e o mais exposto aos impactos. Alguns modelos de cadeira auto para os Grupos 1 e 2-3 possibilitam reclinar a criança durante o sono, para permitir uma posição mais cómoda da cabeça. Existem também almofadas especiais para posicionar à volta do pescoço da criança: prefira as que são mais finas na parte posterior, pois uma espessura excessiva pode causar efeitos negativos no pescoço, em caso de acidente.

Tenha sempre o cuidado de verificar se a cadeira auto está instalada correctamente, conforme indicado do livro de instruções e conserve este último, para o caso de ser necessário consultá-lo no futuro. Antes da compra, verifique se a cadeira auto dispõe da homologação europeia obrigatória. É sempre aconselhável que a criança entre ou saia do automóvel pelo lado do passeio. Consequentemente, é mais cómodo instalar a cadeira auto no lado direito e de preferência, no banco de trás.

Lembre-se de desactivar o respectivo airbag frontal, se posicionar a cadeira auto para o grupo 0+ ao lado do condutor e tenha também o mesmo cuidado nos bancos traseiros, se o seu automóvel estiver equipado com airbag lateral (certifique-se lendo as instruções do automóvel ou contactando o fabricante do mesmo, sobre qual a forma correcta de utilização da cadeira auto). A activação do airbag representa para a criança um impacto muito violento e, por isso, extremamente perigoso.

Durante a viagem nunca desaperte os cintos de segurança da criança, nem mesmo temporariamente e não retire a criança da cadeira auto por motivo algum. Se a criança chorar ou se for necessário aleitá-la ou mudar-lhe a fralda, pare num local seguro. Por razões de segurança, durante a viagem, é necessário evitar dar à criança alimentos tais como chupa-chupas, gelados ou outros alimentos com pauzinho. Em caso de acidente ou travagem brusca, poderão ferir a criança ou obstruir-lhe as vias respiratórias.

Atenção também aos objectos que utiliza para entreter a criança durante a viagem, poderão representar um perigo em caso de travagem brusca ou acidente. É preferível utilizar brinquedos macios.

Também é importante não transportar no automóvel objectos mal fixados pois, em caso de travagem brusca, poderão ferir acidentalmente a criança. Se o automóvel tiver ficado parado ao sol durante muito tempo, lembre-se de verificar se a cadeira auto não está excessivamente quente, antes de sentar lá a criança. Além disso, é uma regra fundamental nunca deixar a criança no automóvel sem vigilância, nem sequer durante poucos minutos, leve-a sempre consigo.

Reflicta sobre estes aspectos e não os subestime. Considere o respeito por estas simples regras como um contributo importante para a segurança e a saúde dos seus filhos.

Fechar